Bicicleta passa a ser transporte oficial na União Européia.


“A partir de hoje, as bicicletas são um método oficial de transporte” na União Europeia, anunciou, simbolicamente, nesta quarta-feira (08/10/2015), a Comissária Europeia dos Transportes.

Violeta Bulc fez a declaração no final da primeira reunião ministerial da história da União Europeia (UE) convocada com o exclusivo objetivo de debater a mobilidade em bicicleta entre os 28 estados-membros e promovida pela atual presidência luxemburguesa do Conselho Europeu.

A comissária realçou que o incentivo do uso da bicicleta pode “contribuir diretamente para o crescimento e surgimento de novos modelos de negócio” na União, criando emprego e inovação.

Por outro lado, Violeta Bulc salientou a necessidade de garantir a segurança dos utilizadores de bicicleta na via pública. “Vamos promover uma cultura de segurança para os ciclistas e para as outras pessoas que estão envolvidas no trânsito”, afirmou.

Promovida pelo ministro dos Transportes do Luxemburgo, François Bausch, que se desloca para o trabalho de bicicleta, os ministros e secretários de estado aprovaram uma declaração com sete pontos de incentivo à promoção do uso da bicicleta na União Europeia, onde se inclui a criação de um grupo de trabalho dentro da própria Comissão.

Uma das recomendações mais importantes é a integração da bicicleta na política de transportes, funcionando em articulação e como complemento aos transportes públicos.

O uso da bicicleta como meio de transporte deverá também passar a estar consagrado nos projetos urbanos regionais e locais dos 28 países da UE, a quem é também recomendado que promova o aumento das redes ciclcáveis, sejam elas de âmbito internacional, nacional regional ou mesmo local.

O governo português tinha anunciado que se faria representar no encontro pelo secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro, que acabaria por não se deslocar à Cidade do Luxemburgo. ”Não teve disponibilidade de agenda”, “apareceram reuniões mais importantes”, justificou ao Pedais.pt um porta-voz do governante.

Fonte: Pedais.Pt
Compartilhe no Google Plus

Sobre Keyce Jhones

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário